atalho_busca
atalho_menu
atalho_destaque
 
 
 
Agachamento Profundo. Mitos e Verdades
 
 
Dentre todos os tipos e modalidades de exercícios físicos, o que mais levanta questionamento, e opiniões de todos os lados é o agachamento.

Na era digital, somos expostos a tantas opiniões que os atletas e praticantes de atividade física não sabem ao certo em quem confiar. Surgem postagens de blogueiros disfarçados de experts na área, referências em estudos que nunca existiram e as divergências entre os profissionais da área.

Ainda existem linhas que condenam a realização do agachamento, afirmam que são destrutivos para as articulações dos joelhos. Mas acho que não devemos comentar sobre isso, vamos apenas comprovar ou esclarecer que esse pensamento é equivocado.

Na academia tradicional, a lei mais defendida é não agachar além dos 90 graus do joelho. Essas orientações são resultados das definições de vários estudos antigos. Mas ainda existem estudos considerados atuais (UCHIDA et al., 2003; PINTO 2006; MARCHETTI et al., 2007), que apontam a existência de uma sobrecarga prejudicial na patela quando o joelho ultrapassasse essa amplitude. Mas, acreditem, as interpretações tendenciosas dos “idealizadores” são as grandes causas desse raciocínio. Se o joelho fosse composto apenas pela força vetorial do quadríceps, esse pensamento seria correto. Mas, graças a Deus, temos outros grupos musculares que trabalham em associação (co-contração) principalmente na cadeia cinética fechada, como é o caso do agachamento.

Nos treinamentos mais atuais, principalmente no CrossFit, a palavra de ordem é descer até o chão. Chamado de Deep Squat, ou simplesmente Agachamento Profundo, esse pensamento já é defendido e comprovado, através de vários estudos (FAIRCHILD et al., 1993; WEISS et al., 2000 e vários outros) pelos benefícios lógicos do aumento proporcional do recrutamento muscular. Logo, o agachamento profundo pode ser usado com segurança, já quanto maior for a flexão dos joelhos, maior também será o trabalho muscular, consequentemente menor seriam as pressões exercidas nas estruturas articulares e ligamentares.

Não precisa nem falar da questão da funcionalidade, né? Se nossas estruturas musculares e articulares se adaptam de forma específica aos movimentos que praticamos, indivíduos que utilizam amplitudes reduzidas poderiam se lesionar em uma atividade cotidiana pelo simples fato de não treinar um determinado ângulo de movimento. Resultado: limitar o agachamento em amplitude, além de diminuir a eficiência do exercício, pode prejudicar a funcionalidade em movimentos do dia a dia.

Arivan Gomes, Prof. Esp, PT.
Fisioterapeuta do Esporte
Coordenador do Curso de Pós-graduação em Ortopedia e Traumatologia da UcSal
Coordenador da Clínica Escola da FTC

CrossFit L1 Trainer / Formação em PNF

Fisioterapeuta da Seleção Brasileira de Maratonas Aquáticas
Sócio Proprietário da Aldeia Crossfit
Sócio Sonafe – 283 / Presidente da SONAFE Bahia / Crefito 7 – 91046-F
 
atalho_mais_artigos

 
Atacante brasileiro do Querétaro-MEX irá tratar lesão no Brasil
 
Jogador foi operado na quarta-feira (19) pelo médico especialista, Joaquim Grava
 
 
 
CROSSFIT: A Visão do Fisioterapeuta Desportivo
 
O que mais me agrada: é uma atividade eminentemente inclusiva.
 
 
 
atalho_mais_colunas

 
Agachamento Profundo. Mitos e Verdades
 
Saiba mais detalhes sobre essa atividade que gera bastante discussão.
 
 
 
atalho_mais_entrevistas

 
Guto Demeski, fisioterapeuta de Anderson Silva
 
Confira a entrevista com Guto Demeski, fisioterapeuta de Anderson Silva. Sua história com esse grande atleta.
 
 
 
atalho_mais_eventos

 
Sonafe 2015 será realizado em Florianópolis, Santa Catarina
 
Evento acontecerá entre os dias 30 de outubro e 2 de novembro
 
 
 
XV Jornada Científica será realizada entre novembro e dezembro
 
Evento será realizado no segundo semestre de 2015 e terá como tema principal o esporte olímpico
 
 
 
São José do Rio Preto recebe congresso internacional
 
Evento acontece de 21 a 23 de agosto e terá como tema a Hipermobilidade, Síndrome de Ehlers-Danlos e Dor
 
 
 
Sonage participará do Congresso SBRATE
 
O tema do evento, que acontecerá em São Paulo, será "Trauma no Esporte baseado em evidências"
 
 
 
Floripa sedia Congresso Internacional de Fisioterapia Esportiva
 
De 30 de outubro a 02 de novembro, evento mobilizará profissionais, estudantes e pesquisadores
 
 
 
atalho_mais_noticias

Nenhum conteúdo cadastrado!
 
atalho_publicidade
 
 
Seja um Parceiro.
 
atalho_parceiro
  •  
    Daniel Cady
  •  
    Júnior Cigano dos Santos
  •  
    Sonafe
  •  
    Nordeste MMA Team
  •  
    Aldeia CrossFit
 
 
 
 
Conceito
Equipe
Artigos
Colunas
Entrevistas
Eventos
Notícias
Empresas
Profissionais
 
 
 
Copyright 2015 . Todos os direitos reservados
Desenvolvido por